1975

  • O Ministério da Educação e Cultura promove o Programa de Ação Cultural com a participação do Quarteto Instrumental [1], que interpreta, de Radamés Gnattali, as obras Moto Contínuo nº 1 (1964) e Brasiliana nº 8 (1956), em transcrições do autor, dedicadas ao grupo.

 

 

  • A Odeon lança o elepê Radamés Gnattali Sexteto. Entre as músicas que compõem o disco, duas são composições de Radamés: Meu Amigo Tom Jobim e Divertimento para seis instrumentos.

 

Radamés Gnattali Sexteto

 

 

 

  • A Continental lança o elepê Radamés Gnattali – 50 anos a serviço da música brasileira, apresentando uma coletânea de composições e arranjos de Radamés, criados ao longo da sua carreira. O lançamento antecipa as comemorações do 70º aniversário do maestro.

 

 

 

 

  • Radamés compõe:
    • Canções populares do Brasil nº 1, 2 e 3 para orquestra de cordas (curiosamente, a de nº 4 é datada de 1973)
    • Sinfonia popular nº 2 para grande orquestra (iniciada em 1969)

 

 

 

 

  • Estreia da peça Gota d’Água, de Chico Buarque e Paulo Pontes, com Bibi Ferreira e grande elenco.

 

  • Termina a Guerra do Vietnã (iniciada em 1955), com a derrota dos Estados Unidos.

 

 

__________

  • [1] O Quarteto Instrumental, à época deste concerto, era formado por Celso Woltzenlogel (flauta), Carlos Augusto Dantas (piano), Antonio Almeida da Anunciação e Luiz D’Anunciação (percussão).