1970

  • O violoncelista Gregory Bemko e o pianista Horace Martinez apresentam, em primeira audição nos Estados Unidos, a Sonata nº 1 para violoncelo e piano (1935), de Radamés Gnattali, na Assistance League Palyhouse, em Hollywood (CA-EUA).

 

 

programas_

 

 

programas_
22 de abril de 1970

 

 

  • Realiza-se o concerto Uma tarde com música de câmara, no Las Vegas Convention Center (Nevada-EUA), em que é apresentada a obra Serestas: para flauta, violão e quarteto de cordas (1944), de Radamés Gnattali.

 

  • A gravadora Continental lança o elepê Orquestra Filarmônica de São Paulo, apresentando, entre outras obras, o Concerto para viola e orquestra de cordas (1967), de Radamés Gnattali, interpretado pelo violista Perez Dvorecki, sob a regência de Simon Blech.

 

 

 

  • Radamés compõe: 
    • Brasiliana n° 10 para grande orquestra – dedicada à Aída Gnattali (iniciada em 1963)
    • Brasiliana nº 11 para grande orquestra (transcrição da Brasiliana nº 11 para oito violoncelos e piano, de 1966)
    • Concerto para dois violões, oboé e orquestra de cordas – dedicado ao Duo Assad (concluído em 1974)
    • Concerto para um jovem violoncelista, para violoncelo e orquestra de cordas, com piano.

 

 

 

  • No futebol, a seleção brasileira sagra-se tricampeã mundial. O hino da Copa, a marcha Pra Frente Brasil, de Miguel Gustavo, torna-se uma espécie de hino nacional.

 

  • O Brasil vive, na economia, o chamado “Milagre Brasileiro”.