1930

  • Eclode, no Rio Grande do Sul, Minas Gerais, Pernambuco e Paraíba, a Revolução de 1930 [1], que força a deposição de Washington Luís, dando fim à República Velha, célebre por suas eleições fraudulentas, pela compra e venda de votos, por favorecer, sempre, os interesses das oligarquias.

 

  • Radamés (com 24 anos), os irmãos Luiz e Sotero Cosme, entre outros amigos, alistam-se como voluntários nas forças revolucionárias. O pai, Alexandre, acompanha-os ao embarque. Ao chegar em Florianópolis, porém, a revolução havia terminado.

 

 

 

 

 

  • Em 17 de setembro, Radamés estréia como compositor, com um recital de piano no Teatro São Pedro, em Porto Alegre. As peças apresentadas são Prelúdio n.º 2 (Paisagem) e Prelúdio n.º 3 (Cigarra), ambas compostas neste mesmo ano.

 

 

programas_

 

 

 

 

 

  • O violinista Romeu Ghipsman grava, na Odeon, Canto de violino (1928), para violino e piano. Provavelmente, esta é a primeira composição de Radamés, de caráter popular, a ser lançada em disco.

 

 

 

  • Nasce, no Rio de Janeiro (RJ), o violonista Manoel da Conceição (mais conhecido como “Mão de Vaca”) [2], por quem Radamés tinha grande admiração.

 

 

 

Radamés compõe: 

    • Alma Brasileira (choro) para piano
    • Prelúdio n.º 2 (Paisagem) para piano 
    • Prelúdio n.º 3 (Cigarra) para piano 
    • Rapsódia brasileira para piano – dedicada a Ângelo Guido
    • Serestas nº 1 para quarteto de cordas

 

 

 

  • São criados os primeiros programas de auditório nas rádios do Rio de Janeiro.

 

  • Adhemar Gonzaga cria a Cinédia, primeiro estúdio cinematográfico brasileiro.

 

__________

  • [1] Instala-se o governo provisório de Getúlio Vargas no Rio de Janeiro, capital da República. O presidente depõe todos os governadores dos estados e dissolve o Congresso Nacional. São criados o Ministério do Trabalho, da Indústria e Comércio e o Ministério da Educação e da Saúde Pública.
  • [2] Radamés, em depoimento no Museu da Imagem e do Som do Rio de Janeiro, em 1985, declara: “No início da bossa nova, eu telefonava pra ele e perguntava: Manoel, como é a harmonia dessa música? Ele aí cantava as notas dos acordes, com as dissonâncias todas. É incrível!”. Manoel, presente ao depoimento, se justifica: “Eu sempre estudei, maestro, mas o ouvido sempre me atrapalhou”.

1928

  • Nasce em Natal, RN, o compositor e maestro Mário Tavares, a quem Radamés tinha grande estima e admiração.

 

  • Nasce, em Santa Cruz do Sul, RS, Romeu Seibel (Chiquinho do Acordeom) [1], a quem Radamés dedica, em 1977, o Concerto para acordeom e orquestra de cordas.

 

 

Radamés compõe:

    • Reminiscênciapara violino, flauta, fagote e piano
    • Reminiscênciapara quarteto de cordas com piano (transcrição)
    • Violinopara violino e pianoobra dedicada ao violinista e amigo Sílvio Grandi. Esta peça é uma transcrição de Romance (sem palavras), de 1927. Em 1930 Radamés grava esta peça, na Odeon, com o violinista Romeu Ghipsman, com o título de Canto de violino.

 

  • É fundada a primeira escola de samba, no Rio de Janeiro: a Deixa Falar [2], no bairro do Estácio.

 

  • Começa a circular, em São Paulo, a Revista de Antropofagia, na qual Oswald de Andrade publica o seu Manifesto Antropófago.

 

__________

  • [1]  Aprovado pelo maestro Radamés, Chiquinho ingressa na orquestra da Rádio Nacional em 1953 e, em 1954, no Sexteto Radamés  Gnattali.
  • [2] A escola de samba Deixa Falar foi fundada por um grupo de novos compositores e sambistas cariocas integrado por Ismael Silva, Bide (Alcebíades Barcelos), Mano Rubem (Rubem Barcelos, irmão de Bide), Mano Edgar (Edgar Marcelino dos Passos), Baiaco (Osvaldo Vasques), Brancura (Silvio Fernandes), Nilton Bastos, entre outros.

 

 

 

1927

  • Folha de identidade de Radamés, alistado no Tiro de Guerra, em Porto Alegre (RS), em 06 de janeiro.

 

certificado de reservista

 

 

 

Em 30 de dezembro de 1927, Radamés recebe a medalha de ouro do concurso que vencera em 1924, no Conservatório Musical de Porto Alegre. Aída Gnattali esclarece: ‘Radamés foi o único, daquela geração, que conseguiu tirar a nota máxima: 60 pontos. Depois dele, anos depois, só a Nise Obino conseguiu essa pontuação’.

 

 

  • A gravadora Odeon lança o primeiro suplemento de discos brasileiros gravados pelo sistema elétrico. Radamés, com 21 anos, participa como pianista acompanhador do violinista Anselmo Zlatopolsky, em vários discos.

 

Imagem gentilmente cedida por Discoteca MB (Miguel Bragioni)

SOUVENIER – Franz Drdla
Solo de violino – Anselmo Zlatopolsky
Piano: Radamés Gnattali
Odeon – 10041-a (1927)

 

 

 

  • Nasce, em 25 de janeiro, no Rio de Janeiro (RJ), o compositor, pianista, arranjador e letrista Tom Jobim (Antônio Carlos Brasileiro de Almeida Jobim), a quem Radamés dedica o galopinho, Meu amigo Tom Jobim [1]. Em retribuição, Tom dedica a Radamés o choro Meu amigo Radamés. 

 

 

Radamés compõe:

    • Romance (sem palavras), para piano – dedicado à Vera, sua noiva.

 

 

 

 

 

  • É realizada, nos EUA, a première mundial do primeiro filme falado, o longa-metragem, produzido pela Warner Brothers, The Jazz Singer (O cantor de jazz), de Alan Crosland, estrelado por Al Jolson.

 

__________

  • [1] Em 1971 Radamés compõe a peça Musiquinha para Bis  (sobre o tema de “Domingo azul no mar”, de Tom Jobim e Newton Mendonça), dedicando-a ao Quarteto Guanabara. Mais tarde, reescreve a peça com o título definitivo de Meu amigo Tom Jobim e a grava na Odeon com seu sexteto e orquestra de cordas.  Visite o site do Instituto Antonio Carlos Jobim: http://www.jobim.org/

1926

  • Nasce no dia 10 de abril, em Porto Alegre, RS, Maria Terezinha, a caçula dos cinco irmãos Gnattali, a quem Radamés dedica a Tocata para piano.

 

raizes_

Maria Teresinha Gnattali
(1926 -1946)

 

 

  • Radamés completa 20 anos.

 

profissional_

 

 

 

  • De volta a Porto Alegre, após o sucesso obtido nos concertos realizados em São Paulo e Rio de Janeiro, Radamés passa a integrar, como violista, o Quarteto Henrique Oswald, ao lado dos irmãos Sotero e Luiz Cosme (violinos) e Carlos Kromer (violoncelo).

 

programas_

Quarteto Henrique Oswald

 

 

Radamés compõe:

  • Batuque, para piano [1] – dedicado ao amigo Omar Fonseca.

 

 

Batuque   
Olinda Alessandrini, piano
FUNPROARTE – s/nº (POA, s/d)

 

 

 

  • É fundada a Rádio Mayrink Veiga, no Rio de Janeiro, onde Radamés atua intensamente, como pianista de concerto e de música popular.

 

 

  • Washington Luís é eleito presidente do Brasil, governando até 24 de outubro de 1930. Foi o último presidente, da chamada República Velha.

 

__________

  • [1] Datada de 4 de maio de 1926, Batuque é a peça de concerto mais antiga, de autoria de Radamés, constante no arquivo particular do autor.

 

1925

  • Em 03 de outubro, Radamés participa do 20º Sarau da Sociedade Quartetto  Paulista, no Conservatório Dramático e Musical de São Paulo. No programa, o mesmo repertório do concerto realizado no Instituto Nacional de Música, no Rio de Janeiro, no ano anterior. O professor Fontainha, que acompanha Radamés, envia a Porto Alegre um efusivo telegrama.

 

“Grande triumpho concerto hontem”

 

 


 

 

 

 

Jornal do Commercio (SP) – Crítica do concerto na Sociedade Quartetto Paulista, por Ernani Braga e Antônio de Sá Pereira.
“Radamés Gnattali só não é uma brilhante promessa, por ser uma deslumbrante realidade” (E.B.).

 

 

 

  • Recém fundado em 25 de julho, o jornal O Globo, traz na sua segunda edição do dia 29 de outubro a seguinte nota:

“Por motivo de moléstia, o pianista Riograndense Radamés Gnattali deixará de realizar o seu recital anunciado para dia 31 do corrente, no Instituto Nacional de Música”.

 

 

 

  • A gravadora Victor lança, nos Estados Unidos, os primeiros discos comerciais gravados pelo sistema elétrico, com utilização de microfone.

 

1924

  • Radamés é levado ao Rio de Janeiro por seu professor Guilherme Fontainha para apresentar-se em recital no Instituto Nacional de Música, realizado no dia 31 de julho [1]. O concerto é um grande sucesso e a crítica carioca não lhe poupa elogios. Radamés é considerado a grande promessa do piano brasileiro [2]. Fontainha, em telegrama à longínqua Porto Alegre resume, em apenas duas palavras, o sucesso arrebatador de Radamés no Rio de Janeiro: “Radamés Triumphante”.

 

 

 

Oscar Guanabarino   
Jornal do Commercio (RJ)

 

 

 

  • Após o sucesso obtido no Rio de Janeiro, Radamés conclui o curso de piano no Conservatório de Música de Porto Alegre, sendo diplomado em 19 de dezembro; concorre e conquista o prêmio Araújo Vianna, com nota máxima e medalha de ouro.

 

 

 

 

 

Programa de concurso.

 

 

 

  • Nasce, no Rio de Janeiro (RJ), o flautista e compositor Altamiro Carrilho (Altamiro de Aquino Carrilho), a quem Radamés dedica, em 1966, as Serestas nº 2 para flauta e orquestra de cordas e, em 1972, o Divertimento para flauta em Sol e orquestra de cordas.

 

  • Eclode, em São Paulo, outra revolta tenentista contra o governo federal. Tem início a Coluna Prestes [3], liderada pelo capitão Luís Carlos Prestes, que percorre, em três anos, cerca de 30 mil quilômetros pelo interior do país.

 

__________

  • [1] No programa, a transcrição para piano do Concerto para Órgão, de Wilhelm Friedemann Bach/Stradal; Sonata em si menor e a Rapsódia n.º 9 (Carnaval de Pest), ambas de Franz Liszt.
  • [2] Leia crítica de Arthur Imbassahy no Jornal do Brasil (RJ), de 02/08/1924. (Fonte: Hemeroteca da Biblioteca Nacional)
  • [3] Consulte o site do CPDOC da Fundação Getúlio Vargas

1923

  • Em julho, Radamés se apresenta no Conservatório Musical de Porto Alegre, como parte de um recital de alunos daquele instituto, interpretando a “Polonaise” opus 34 de H. Oswald.  Nesse mesmo recital, apresenta-se a jovem pianista Aída Gnattali, aluna da professora Julieta Leão, executando a Giga, de Araujo Vianna [1].

 

  • Radamés conclui o 8ª ano de piano, no Conservatório de Música de Porto Alegre, com menção honrosa.

 

 

 

 

  • Nasce, em Recife (PE), o compositor e cantor Luiz Bandeira [2] que, em 1959 grava na Continental o raro elepê Festa de Ritmos – Luiz Bandeira e suas músicas, com arranjos orquestrais de Radamés.

 

_________

  • [1] Fonte: O Jornal (RJ) de 02/08/1923.
  • [2] Luiz Bandeira (1923-1998), um dos maiores compositores pernambucanos, foi o autor da canção Na cadência do Samba (Que bonito é…), celebrizada no cinema, de  1959 a 1986, como fundo musical do suplemento de futebol do cine-jornal Canal 100, de Carlos Niemeyer. Bandeira participou, como cantor convidado, do Sexteto Radamés Gnattali, em sua tournée pela Europa, em 1960.

1922

  • Ganhando 10 mil réis, Radamés, com dezesseis anos, trabalha no Cinema Colombo com os amigos Luís Cosme e Sotero Cosme (violinos), Júlio Grau (flauta) e mais dois músicos, formando uma pequena orquestra com dois violinos, flauta, violoncelo, contrabaixo e piano. O conjunto animava sessões de cinema mudo, executando pot-pourris de canções francesas e italianas, operetas, valsas e polcas. Por essa época, Radamés integra, também, como pianista (e, possivelmente, arranjador), a Ideal Jazz Band, da Confeitaria Colombo (não confundir com o cinema citado acima), grupo formado por flauta, violino, violoncelo, trompete, trombone, piano, contrabaixo.

 

 

profissional_

 

 

Radamés compõe:

  • Malandro (samba), para piano [1].

 

 

partitura

 

 

  • Debelada, no dia 06 de julho, na cidade do Rio de Janeiro, capital do Brasil, a revolta tenentista conhecida como Os 18 do Forte – movimento de ideal democrata, iniciado no Forte de Copacabana, cujo objetivo era a derrubada da, chamada, República Velha.

__________

  • [1] Apesar de não estar datada, Malandro  parece ser a música popular editada mais antiga de Radamés, constante no arquivo particular do autor. Em sua capa, a partitura apresenta fotos e assinaturas dos integrantes da banda.

 

1921

  • Nasce, em Jardim (CE), o multi-instrumentista de cordas dedilhadas, compositor e arranjador José Menezes[1] (José Menezes França), a quem Radamés dedica, em 1957, o Concertino nº 3 para violão e orquestra, com flauta, bateria, bells e orquestra de cordas[2]

__________

  • [1]  Menino prodígio, o cearense José Menezes (1921-2014) tocava todos os instrumentos de cordas dedilhadas: violão, violão-tenor, cavaquinho, bandolim, banjo, viola caipira, guitarra elétrica. Transferiu-se para o Rio de Janeiro em 1943, sendo contratado pela Rádio Mayrink Veiga. Mais tarde, ingressou na orquestra da Rádio Nacional, como violonista. Integrou o Quarteto Continental e o Quinteto (Sexteto) Radamés Gnattali, desde a sua fundação, na década de 50, até fins de 1985, quando o conjunto encerrou suas atividades.
  • [2] O subtítulo “Concerto de Copacabana” atribuído a este concertino, não tinha a simpatia nem a aprovação de Radamés.

 

1929

  • Em 1º de junho, Radamés participa da programação especial do 5º Aniversário da Rádio Club do Brasil executando, com a orquestra da rádio, o Concerto Nº 1 em si bemol menor para piano e orquestra, de P. Tchaikovsky, sob a regência de Arnold Gluckmann. [1]

 

  • Em 24 de outubro, em concerto organizado pelo seu ex-professor, Guilherme Fontainha, Radamés repete o programa apresentado na Rádio Club do Brasil, desta vez, no Thetro Municipal do Rio de Janeiro, com acompanhamento de grande orquestra, sob a regência do maestro A. Gluckmann. A repercussão na imprensa é espetacular. Abaixo, um resumo da crítica de alguns jornais cariocas. [2]

 

 

Material de divulgação do recital de estreia de Radamés, como compositor, no Theatro São Pedro (Porto Algre – RS), programado para dia 17 de setembro de 1930.

 

 

 

 

  • 28 de abril. É fundada a segunda escola de samba do Rio de Janeiro, a Estação Primeira de Mangueira, a partir do Bloco dos Arengueiros. Dentre os seus principais fundadores, destaca-se o compositor Cartola (Angenor de Oliveira, 1908-1980).

 

  • As gravadoras Victor e Brunswick iniciam suas atividades no Brasil.

 

  • Estreia o filme Broadway melody, o primeiro longa-metragem sonoro, sincronizado, a ser exibido no Rio de Janeiro.

 

  • Em setembro, a BBC realiza, em Londres, a primeira emissão experimental de televisão.

 

  •  O mundo ocidental é abalado por uma grave crise econômica, a quebra da Bolsa de Nova York, que repercute no Brasil com a violenta queda dos preços do café.

 

____________